domingo, 14 de abril de 2013

Teste de ADN revela marcadores do risco de cancro - Ciência - DN

Teste de ADN revela marcadores do riscoUm grupo de cientistas britânicos decidiu comparar o ADN de 200,000 pessoas, 50% com cancro e outros 50% saudáveis, revelando, desta forma, o risco genético de um indivíduo contrair uma doença, noticia a BBC.
A investigação, levada a cabo pelos cientistas da Universidade de Cambridge e do Instituto Investigação do Cancro (ICR), em Londres, foi financiada pelo Centro de Investigação do Cancro da UK (CRUK).
"Estamos quase preparados paras usar o nosso conhecimento acerca destas variações genéticas para desenvolver um teste que poderia complementar o rastreio do cancro da mama e estamos um passo mais perto de desenvolver um programa de rastreio efetivo do cancro da próstata", declarou à BBC Doug Easton, o líder desta investigação.
Ao desenvolver o estudo, os cientistas procuraram variações genéticas comuns - conhecidas como polimorfismos de nucleotídeo único - que estão ligado a três tipos de cancro.
Cada alteração aumenta um pouco o risco de uma pessoa vir a contrair cancro. Para o cancro da próstata foram encontrados 23 novos marcadores enquanto que para o cancro do ovário foram descobertos apenas 8.
 de cancro - Ciência - DN