segunda-feira, 29 de abril de 2013

Lingerie erótica high-tech permite fazer carícias à distância, pelo celular SÁB, 27 DE ABRIL DE 2013


Olha o que inventaram agora: roupas íntimas que tem sensores, e fazem a pessoa que usa, sentir “carícias” feitas pelo parceiro a quilômetros de distância.
A novidade foi criada pela empresa inglesa de preservativos Durex.
Os carinhos do Fundawear, como é chamada lingerie high tech, são feitos por meio de um smartphone, com ajuda de sensores e um aplicativo.
Como funciona

As cuecas, calcinhas e sutiãs vêm equipadas com sensores ligados à internet.
Quando o dono do aparelho toca na tela com o dedo, pra lá e pra cá, o usuário (a) da roupa sente as “carícias” em seu corpo, por meio de vibrações no tecido.
Os sensores estão localizados nas zonas erógenas.
“A vibração varia conforme a intensidade do movimento empregado no celular”, diz Ben Moir, técnico da Snepo, empresa australiana de tecnologia que desenvolveu o produto a pedido da britânica Durex, um dos maiores fabricantes mundiais de preservativos.
fundawear0
O objetivo da Durex é promover sua marca de camisinhas.
Para promover a invenção, a Durex mantém uma página no Facebook para recrutar interessados em testar a novidade, que ainda não tem data de lançamento definida.
Por enquanto, a escolha será feita entre casais australianos.
A Snepo estuda a produção de uma versão comercial do Fundawear.
“O produto poderia custar em torno de US$ 200”, afirmou Moir, no site da Snepo.
A ideia é bacana pelo ineditismo e pela possibilidade de brincadeiras divertidas.
Espero que não dê choques!! rs
Mas, cá entre nós, nada como um carinho ao vivo e a cores, não é?
Assista o vídeo e veja como funciona;
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO EM SEG, 29 DE ABRIL DE 2013 07:43