sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Regularização da vacina que é capaz de curar doenças reumáticas.

Aqui está a petição para encaminhar para seus amigos:

Regularização da vacina que é capaz de curar doenças reumáticas.

Caros amigos,

A luta é pela regularização da vacina que é capaz de curar doenças como artrite reumatóide, artrose, espondilite anquilosante, osteoartrite, gota, lesão por esforço repetitivo (LER), artrite psoriática, esclerodermia, esclerose sistêmica, dermatopolimiosite, polimiosite e lupus eritematoso sistêmico, entre outras doenças do aparelho locomotor.

Várias pessoas foram curadas e postaram o seu agradecimento na internet ao Dr. Genésio Pacheco da Veiga, pesquisador e descobridor da vacina antibrucélica, porém por perseguição dos interesses econômicos que estão em jogo, todas as suas tentativas em regularizar a referida vacina foram em vão.

“Há 50 anos atrás enquanto o Dr. Genésio Pacheco da Veiga trabalhava como pesquisador no controle bacteriológico da peste bubônica, na Fundação Oswaldo Cruz, no Rio de Janeiro com o objetivo de controlar a brucelose humana, notou que os pacientes vacinados contra essa doença apresentavam também diminuição das dores articulares provocadas pela artrite reumatóide. Como um bom clínico dos velhos tempos, no qual a observação é uma das suas maiores qualidades, ficou muito intrigado com esse assunto. Começou a coletar mais dados, mudou o modo de administração da vacina, mudou as suas diluições, iniciou uma série exaustiva de extrações de endotoxina da bactéria que provoca a brucelose humana e após alguns anos de intenso trabalho chegou à formulação que o satisfez. : alta eficácia em acabar com as dores ao lado da parada do processo evolutivo da doença.”

Não será lamentável perdermos uma pesquisa dessas?

Se você concorda em regularizar essa vacina que beneficiará milhões de pessoas, assine esta petição, vamos atingir o maior número possível de pessoas.

Considerando os 98 anos do Dr. Genésio, o Brasil não terá muito tempo para se decidir.

MAIS INFORMAÇÕES SOBRE A VACINA, ACESSEM OS LINKS ABAIXO: